O Centro Escolápio Nossa Senhora de Montserrat é uma escola sintonizada com as demandas educacionais contemporâneas que busca conciliar humanismo e tecnologia, conhecimento dos princípios científicos que presidem a produção moderna e exercício da cidadania plena, formação ética e autonomia intelectual; e tem como missão fundamental a formação e a percepção de si mesmo enquanto sujeito histórico, capaz de influenciar na construção de uma sociedade justa e fraterna.

A escola é dirigida pelas filhas de Maria Religiosas das Escolas Pias – Escolápias, Instituto Religioso, fundado por Santa Paula Montal. Dedicado exclusivamente à educação da infância e juventude. A ação educativa da instituição inspira-se na vivência e espiritualidade de São José de Calasanz, “Educar é cooperar com a verdade”. Segundo as características que lhe deu São José de Calasanz e a instituição de Santa Paula Montal, a Escola Pia Feminina oferece suas escolas, centros da Igreja Católica, como serviço de educação da infância e da juventude.

José de Calasanz, interpretando no século XVII os sinais de seu tempo, descobriu na educação das classes populares, o meio mais eficaz para a reforma da sociedade e criou uma escola nova, primeiro modelo na história da educação integral, popular cristã.

Paula Montal, dois séculos mais tarde, intuiu como necessidade urgente da sociedade, a promoção da mulher, até então afastada da cultura. Por isso abriu suas escolas para a mulher, porque a concebeu como fermento de transformação social e cristã através da família e do mundo do trabalho. E, sentindo-se totalmente identificada como Calasanz, estruturou sua obra conforme a espiritualidade e pedagogia calasância. O Centro Escolápio Nossa Senhora de Montserrat define-se como escola filantrópica situada num bairro da periferia do Município de Nossa Senhora do Socorro e atende a uma clientela de classe baixa, em situação de vulnerabilidade social, econômico, moral, religioso, cultura. É uma escola de propriedade particular que presta uma grande colaboração na
promoção humana e cristã da infância e adolescência do bairro, pois educa nas letras e na fé, e assim contribui para a moralização dos costumes, a santificação das famílias e a reforma da sociedade.

Além disso, é pautado no compromisso em oferecer ensino de qualidade, orientado pelos princípios e valores da Lei nº. 9394/96, propondo-se a ministrar educação integral do aluno através da formação e aprimoramento físico, espiritual, moral, cívico, científico, cultural e sócio-afetivo.
O ato de educar será caracteristicamente dialógico, planejado para alcançar o desenvolvimento das habilidades do aluno e, ao mesmo tempo, tratá-lo como sujeito com o qual se interage na construção do conhecimento.

A educação se dará de forma interacional, uma vez que contempla as múltiplas faces do desenvolvimento, a sua complexidade, a sua abrangência e a natureza social do ser humano.

A educação consultará as vivências existenciais do aluno, os instrumentos tecnológicos próprios da cultura e da sociedade na qual os alunos estão inseridos.
De acordo com as finalidades da educação nacional e a fim de selecionar meios e instrumentos e ainda, fixá-los dentro de um trabalho coerente, o Instituto se propõe:

I – adotar práticas de participação democrática, possibilitando ao aluno uma formação que o prepare para o exercício consciente da cidadania.
II – proporcionar ao aluno condições para o desenvolvimento do pensamento crítico acerca da realidade em que vive.
III – valorizar e respeitar a cultura do aluno, considerando-a nos planejamentos e atividades didático-pedagógicos.
IV – possibilitar ao aluno o acesso ao conhecimento universal sistematizado e ao desenvolvimento cultural, científico, técnico e político da sociedade contemporânea.
V – reconhecer a educação como um processo dinâmico e contínuo, possibilitando a integração entre as diversas áreas que a constituem.
VI – oferecer um espaço educativo em seu sentido mais amplo, onde o aluno seja acolhido como um ser em formação, encontrando ali um reconhecimento de sua singularidade humana e social.
VII – adotar metodologias de ensino e de avaliação.
A instituição apresenta uma proposta que visa elaborar e programar um plano de ação e atividades, que prepara o indivíduo para o exercício da cidadania plena, na formação do homem capaz de conviver numa sociedade que sofre influências mundiais da cultura, da política, da tecnologia, contribuindo para a construção da democracia, promovendo princípios éticos de liberdade, dignidade, respeito, justiça e solidariedade.

O Centro Escolápio Nossa Senhora de Montserrat sintonizado com o seu tempo busca o envolvimento permanente da família, resgatando o seu papel educativo na construção da cidadania, intensificando suas relações com a comunidade na qual se insere, fazendo com que tal relacionamento se transcenda a formalidade e se transforme em realidade.

Nossa missão é receber seu filho(a) com o carinho e conforto que ele merece.
Entre em contato conosco e agende uma visita. Ligue: (79) 3254 8598

 

Educação Infantil

Saiba mais

Ensino Fundamental I

Saiba mais

Ensino Fundamental II

Saiba mais

Extracurriculares

Saiba mais

Nossos Parceiros

Google Educação
Microsoft Educação